Quinta-feira, 24 de Abril de 2008

Ser Mãe...

Ser mãe é o melhor do mundo

Não há nada mais perfeito

É o sentimento mais profundo

Que podemos trazer no peito

 

Não há nada mais maravilhoso

Que trazer um filho em mim

Nada há mais belo, delicioso

Que o segurar no colinho assim

 

Não há amor mais belo, maior

O amor que a um filho dedicamos

Esquecemos tudo, mesmo a dor

Não importa, apenas que o amamos.

 

Sentimos as suas dores e alegrias,

Rimos das suas graças com desvelo

Ficaríamos a olha-lo dias e dias

E por ele tudo fazemos com zelo

 

Ser mãe é a mais perfeita ligação

Que entre dois seres pode existir

Mãe e filho unidos pelo coração

Amor maior ninguém pode sentir…

Magnolia

24-04-2008

sinto-me: mamã
tags: , ,

publicado por magnolia às 15:43

link do post | comentar | favorito

Quinta-feira, 10 de Abril de 2008

Doce momento...

imagem retirada da net

Naquele momento que me tocaste

O meu coração voou pelo céu aberto

Tocaste-me levemente, nem reparaste

Mas eu senti o meu passo incerto

A cara escarlate e tu nem notaste

 

Senti o mundo inteirinho desabar

Deixei de ouvir, deixei de sentir

Não fui capaz de andar, de falar

Só fui capaz de um sorriso abrir

E um olá muito tímido balbuciar

 

Tocaste na minha mão levemente

E perdeste os teus olhos nos meus

E eu bebi esse olhar sofregamente

E perdi os meus olhos nos teus

E queria assim ficar eternamente

 

Estremeci como se sentisse frio

A esse contacto maravilhoso

Em meu corpo passou um arrepio

Doce, delicioso, quase doloroso

Lânguido em cálido desafio

 

Gostei de ti naquele momento

Foi ali que por ti me apaixonei

Naquele dia invernoso e cinzento

Que me tocaste, eu te toquei

E agora não me sais do pensamento…

Magnolia

10*04*2008

 

 

sinto-me: alone

publicado por magnolia às 19:20

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

Segunda-feira, 7 de Abril de 2008

Desejo escondido...

Queria tanto pegar-te na mão

Quando a vejo pousada serena

Imagino-a suave como uma pena

Não a senti, mas sou dona da razão

 

Queria tanto deitar a cabeça em ti

No teu doce ombro e descansar

Apenas ficar quieta a imaginar

A sentir as sensações de estar aqui

 

Queria tanto com força te abraçar

Encostar o meu peito ao teu peito

E com ternura, carinho e jeito

Mostrar o quanto sou capaz de amar

 

Queria tanto os teus lábios sentir

Num suave, longo e doce beijo

E fazer-te sentir meu desejo

Que do meu corpo quer fugir

 

Queria tanto nos teus olhos ver

Um desejo igual ao meu

Sentir no meu coração o teu

Tão desejoso do meu coração ter

 

Queria tanto ser capaz de te dizer

As coisas que me vão na alma

Para poder finalmente ter calma

E deixar então de por amor sofrer…

Magnolia

07-04-2008

sinto-me: tristita

publicado por magnolia às 11:48

link do post | comentar | favorito

Sábado, 5 de Abril de 2008

Procuro-te em vão...

imagem retirada da net

 

Procuro-te em vão meu amor

Por ti caminho sem parar

Busco-te em cada lugar

Ondes estiveres vou te buscar

 

Procuro-te em vão meu amor,

Para onde fores eu irei

Se nao fores eu saberei

E para mim guiar-te-ei

 

Procuro-te em vão meu amor,

Para ti eu danço e canto

Por ti solto meu pranto

So porque te quero tanto

 

Procuro-te em vão meu amor

Ate ao fim do mundo irei atrás

Por ti serei firme, serei tenaz

Abandonar-te nunca serei capaz

 

Procuro-te em vão meu amor,

Sei que nunca me amarás

Nem nada por mim farás

Mas meu amor p'ra sempre terás

 

Procuro-te em vao meu amor

Sei que nunca amor fingiste

Sei que nunca de mim fugistes

Simplesmente nao existes

 

Procuro-te em vao meu amor,

Nao me amas eu bem sei

Mas eu sempre te quererei

E para sempre te amarei...

 

 Magnolia

06-04-2008

sinto-me: desalentada

publicado por magnolia às 23:52

link do post | comentar | favorito

mais sobre mim

pesquisar

 

Fevereiro 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28


tags

todas as tags

links

leituras recentes

participe neste blog

posts recentes

Mudança de conteúdo para ...

Tenho um vestido...

Até breve.

Poema para ti, Mulher...

Partir

Não cabe em mim...

Despedida

A tua voz...

Tons de cinza...

Quarto vazio...

Não há pressa de chegar

Quase perfeito

Poema

Não te deixarei fugir out...

Um coração no espaço...

Dentro de mim

Queria dizer-te...

Saudade

Isto não é poesia...

Mendigo...

arquivos

Fevereiro 2013

Novembro 2012

Maio 2012

Março 2012

Dezembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Junho 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Novembro 2009

Setembro 2009

Junho 2009

Maio 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Junho 2007

Março 2007

Março 2006

as minhas fotos

Fazer olhinhos

blogs SAPO

subscrever feeds