Terça-feira, 15 de Junho de 2010

Silenciando a saudade...

foto tirada por mim e escrita por mim....maio de 2010

 

 

 

 

No silêncio perco os meus pensamentos

E esses, negros, assolam-me os sonhos

Imensos

Impunes

Impróprios…

 

Tenho saudades de ti

Presas fundo no meu corpo

Dorido

Cansado

Saudoso…

 

Não posso ter-te

Já sei... Já sei…

Não o grites mais

Essa verdade …com o teu silencio…

 

O teu silêncio

Indiferente

Impiedoso

Insensível…

 

Silencio mais doloroso que qualquer palavra…

 

Dói

Dói mesmo

A saudade dói…

Dói profundamente como garras espetadas na carne…

Talvez um dia o teu silêncio seja capaz de silenciar esta saudade…

Não sei…

 

 

 

Cláudia Moreira

 

 

 

sinto-me: assim...
tags:

publicado por magnolia às 18:56

link do post | comentar | favorito

6 comentários:
De Lynce a 16 de Junho de 2010 às 14:59
Fiquei na duvida se o poema também foi escrito por ti, mas, independentemente disso, gostei muito.


De magnolia a 16 de Junho de 2010 às 15:20
Sim....fui eu que escrevi, assim como todos os que estão por aqui dentro destas páginas virtuais:)


De Lynce a 16 de Junho de 2010 às 16:01
Então parabéns pelo poema, adorei! Vou dar um passeio pelos teus post`s, gosto da forma como escreves.
:)))


De green.eyes a 16 de Junho de 2010 às 17:40
A saudade significa que algo de bom aconteceu, ninguem tem saudades das coisas más.

O silêncio esse pode ser cruel é verdade, mas também há silencios adoraveis como o de um abraço.

Na vida temos que aprender a lidar com ambas as coisas, a saudade e o silencio ...

Parabéns, continuas a escrever coisas lindas.

Beijinho grande para ti


De magnolia a 20 de Junho de 2010 às 22:56
Minha querida olhos-verdes,

Ainda me faltava responder-te a este comentário....

Esta saudade e imaginada...a pessoa que me levou a escrever isto nem faz ideia do que vai cá dentro:) Isto foi apenas uma tentativa de exorcismo:)

Um beijinho grande



De green.eyes a 21 de Junho de 2010 às 10:22
Olá Claudia

Eu sei que muitas vezes a amiga escreve coisas que não correspondem a realidade ... e provavelmente este texto é um deles (de muitos).

Beijinhos


Comentar post

mais sobre mim

pesquisar

 

Fevereiro 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28


tags

todas as tags

links

leituras recentes

participe neste blog

posts recentes

Mudança de conteúdo para ...

Tenho um vestido...

Até breve.

Poema para ti, Mulher...

Partir

Não cabe em mim...

Despedida

A tua voz...

Tons de cinza...

Quarto vazio...

Não há pressa de chegar

Quase perfeito

Poema

Não te deixarei fugir out...

Um coração no espaço...

Dentro de mim

Queria dizer-te...

Saudade

Isto não é poesia...

Mendigo...

arquivos

Fevereiro 2013

Novembro 2012

Maio 2012

Março 2012

Dezembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Junho 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Novembro 2009

Setembro 2009

Junho 2009

Maio 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Junho 2007

Março 2007

Março 2006

as minhas fotos

Fazer olhinhos

blogs SAPO

subscrever feeds